Miguel Coelho faz nova ofensiva com visitas à Região Metropolitana do Recife

Miguel Coelho faz nova ofensiva com visitas à Região Metropolitana do Recife

Coluna do Diego Lagedo: Sendo uma unanimidade no Sertão do São Francisco, o pré-candidato a governador Miguel Coelho (UB) vem fazendo um grande esforço para aumentar o seu índice de conhecimento nas demais regiões de Pernambuco. Na maioria das pesquisas realizadas até o momento, Miguel figurou entre os candidatos menos conhecidos e menos rejeitados, mas já ocupa a terceira posição na corrida eleitoral.

Na quinta-feira (12), Miguel esteve em Olinda para apoiar o vereador Mizael Prestanista. Já nessa sexta, deve se reunir com representantes da Associação Comercial de Pernambuco (ACP-PE) e com uma liderança política de Jaboatão. No sábado, Miguel participa de um encontro com lideranças religiosas e com o Pastor Jairinho, em Abreu e Lima.

Na semana seguinte, Miguel também terá uma agenda intensa na Região Metropolitana do Recife, participando de eventos com deputados, prefeitos, debates com segmentos socioeconômicos, além de entrevistas. Essas movimentações devem alavancar sua pré-campanha na região e consolidar palanques.

Mesmo estando entre os pré-candidatos mais desconhecidos, Miguel Coelho já conseguiu alcançar uma boa posição na pré-campanha. Isso se deve ao esforço que ele vem fazendo para visitar todas as regiões do estado e montar palanques nos municípios. A Região Metropolitana do Recife concentra o maior número de eleitores do estado e Miguel segue uma boa estratégia ao buscar se inserir na capital.


Eleições: A pré-candidata a governadora Raquel Lyra (PSDB) também cumpriu agenda no Recife e fez uma visita à comunidade do Pina que foi afetada por um incêndio: “No coração do Recife, em um dos metros quadrados mais caros da cidade, é inadmissível que a gente não tenha uma política de habitação, de urbanização nas áreas mais pobres, mais vulneráveis”, criticou Raquel.

Petrobras: O novo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, enviou para o ministro da Economia, Paulo Guedes, um pedido de estudo de viabilidade da privatização da Petrobras e da Pré-Sal Petróleo S.A. (PPSA). Guedes afirmou que encaminhou o estudo para ser feito pela Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos e que deve dar celeridade ao levantamento.

Brasil: O escritor peruano e ganhador do Prêmio Nobel de Literatura de 2010, Mario Vargas Llosa, afirmou que prefere a reeleição de Bolsonaro no Brasil à volta de Lula. O escritor considerou que, apesar das discordâncias com Bolsonaro, não se deve esquecer que Lula foi preso por corrupção.


Diego Lagedo é historiador e especialista em Gestão Pública. A sua coluna aborda temas políticos e é publicada de segunda a sábadosendo replicada em diversos blogs de Pernambuco.

Foto: reprodução.