“Governo do PSB virou as costas para Cortês e toda a Mata Sul”, criticou Antonio Coelho

“Governo do PSB virou as costas para Cortês e toda a Mata Sul”, criticou Antonio Coelho

Geograficamente situado na Mata Sul pernambucana, o município de Cortês não fugiu à regra imposta à região pelo PSB: promessas vazias e total abandono. Conhecedor desse cenário lamentável que frustra expectativas e sonhos da população, o deputado estadual Antonio Coelho (União Brasil) criticou o descaso do estado com o município e afirmou ser inaceitável o fato de Cortês ser obrigada a depender do trabalho de parlamentares aliados para garantir recursos e investimentos, que assegurem seu desenvolvimento e do seu cidadão. O parlamentar esteve na cidade, na noite desta quinta (4), participando de um encontro político organizado pela prefeita Fátima Borba e pelo ex-prefeito Ernane Borba com a presença do candidato a governador Miguel Coelho, da vice Alessandra Vieira, ambos do União Brasil, bem como lideranças e apoiadores da região.

“Não é possível que todos esses investimentos do governo federal que chegam a Cortês não possam ser correspondidos por um centavo sequer vindo do governo estadual”, questionou o deputado. “Isso só acontece porque esse governo do estado que está aí, do PSB, virou as costas para Cortês e sua população”, sentenciou o líder da oposição na Alepe, reforçando que poucas regiões foram tão esquecidas e maltratadas pelos socialistas quanto a Mata Sul.

As palavras do parlamentar encontraram ressonância no depoimento da prefeita Fátima Borba, que enfatizou as dificuldades que a cidade e sua gestão vêm sofrendo com a discriminação praticada pelo Palácio do Campo das Princesas. “Cortês precisa bastante do governo estadual, mas nunca teve ajuda. Até hoje, é um município discriminado pelo governo do estado. As pessoas que trabalham na gestão estadual nem na prefeitura passam e, quando passam, é prometendo e dizendo que faz, mas nada chega”, desabafou a gestora.

Diante de tantas promessas vazias, o deputado Antonio Coelho alertou para o momento de apostar no trabalho de quem vai fazer a diferença na vida das pessoas. O parlamentar ressaltou que esta é a hora certa para se criar um novo caminho e entregar o comando do estado a um gestor com capacidade demonstrada. “Miguel é a melhor aposta que Pernambuco tem para se reencontrar com o desenvolvimento. Ele vai oferecer a Cortês e aos municípios pernambucanos a oportunidade de também se desenvolverem com acesso a recursos estaduais”, frisou.

O deputado aproveitou para ressaltar que, diferente dos socialistas, o grupo não chega a Cortês de mãos vazias nem com falsas promessas, ao contrário, tem muitos serviços já prestados ao município. Numa articulação junto ao senador Fernando Bezerra Coelho, pontuou o parlamentar, já foram viabilizados mais de R$ 6 milhões para Cortês.

“Aqui, podemos citar a escavadeira hidráulica, que já vem fazendo a diferença para a vida do homem do campo; envio de R$ 1 milhão para a assistência social, contribuindo com os que mais precisaram no momento difícil da pandemia; e mais R$ 1 milhão para a saúde, ajudando Cortês a se tornar referência na região”, enumerou.

Por fim, Antonio Coelho ressaltou a construção da estrada que vai ligar Cortês a Barra de Jangada. “Um investimento de mais de R$ 3,5 milhões, mas não é só isso, estamos falando da realização de um sonho, que vai inaugurar um novo tempo de desenvolvimento para a nossa Cortês”, comemorou.

Foto: divulgação.