Eleição em Pernambuco deve ser disputada voto a voto

Eleição em Pernambuco deve ser disputada voto a voto

Coluna do Diego Lagedo: Mesmo faltando quatro dias para o início da campanha eleitoral de 2022, os candidatos ao Governo de Pernambuco ainda continuam anunciando a chegada de novos apoiadores para os seus palanques. Se entre a classe política ainda há muita indefinição, para os eleitores o processo ainda está totalmente aberto, pois muita gente não definiu o voto.

Por conta disso é que surge o jargão muito utilizado na política que diz que a disputa será travada “voto a voto”, tendo em vista que a quantidade de candidatos competitivos traz uma maior necessidade de conquistar os eleitores.

Outro ponto que pode favorecer os candidatos com as maiores coligações é a propaganda eleitoral gratuita, que será exibida entre 26 de agosto e 30 de setembro. No estado, a coligação de Danilo Cabral (PSB) terá o maior número de inserções, seguida pela de Miguel Coelho (UB). Porém, a internet é outro fator que estará muito presente e poderá ajudar Marília Arraes (SD), Raquel Lyra (PSDB) e Anderson Ferreira (PL).

Engana-se quem pensa que a eleição já está definida em Pernambuco. A campanha eleitoral pode mudar totalmente a preferência dos eleitores e, até 2 de outubro, os candidatos irão se esforçar ao máximo para divulgar seus projetos.


Diego Lagedo é historiador e especialista em Gestão Pública. A sua coluna aborda temas políticos e é publicada de segunda a sábadosendo replicada em diversos blogs de Pernambuco.

Fotos: divulgação/reprodução.